Tragédia climática

Forte tempestade na Rússia e na Ucrânia deixa 1,9 milhão de pessoas sem luz

Pelo menos uma pessoa morreu e dezenas ficaram feridas pela tempestade, que causou inundações de casas e estradas

Rio de Janeiro |
As ondas batem à beira-mar na cidade turística de Sochi, no Mar Negro, durante uma tempestade em 27 de novembro de 2023. - Mikhail Mordasov / AFP

Uma forte tempestade atingiu as regiões do sul da Rússia e do leste da Ucrânia no último fim de semana, deixando cerca de 1,9 milhão de pessoas sem fornecimento de energia. As áreas mais atingidas foram Crimeia, Daguestão, Krasnodar, Rostov, e as regiões de Donetsk, Lugansk, Kherson e Zaporozhye, que ficam no leste da Ucrânia e são parcialmente ocupadas pela Rússia. 

Continua após publicidade

Cerca de 100 casas foram inundadas, 60 telhados foram danificados, dezenas de árvores e vários outdoors foram derrubados na região da Crimeia, anexada pela Rússia. Em alguns municípios da península foi declarado estado de emergência.


Navio de guerra atracado no porto da cidade turística de Sochi, no Mar Negro, durante uma tempestade em 27 de novembro de 2023. / Mikhail Mordasov / AFP

Pelo menos uma pessoa morreu e dezenas de pessoas ficaram feridas na península da Crimeia em consequência da tempestade. No pico da tempestade, que ocorreu na noite do último domingo (26), a velocidade do vento atingiu 144 km/h, disse Evgeniy Tishkovets, principal especialista do centro meteorológico de Phobos. Vários trechos da rodovia Evpatoria-Saki ficaram inundados e bloqueados.

De acordo com o diretor científico do Centro Hidrometeorológico, Roman Vilfand, citado pela agência RIA Novosti, foi a tempestade mais poderosa de toda a história das observações meteorológicas na Crimeia.

Já na região de Sebastopol, o salão do museu do aquário foi inundado, resultando, segundo várias estimativas, na morte de 500 a 800 animais marinhos.


Ondas atingem cidade turística de Sochi, no Mar Negro, durante uma tempestade em 27 de novembro de 2023. / Mikhail Mordasov / AFP

A tempestade também atingiu as regiões de Zaporozhye e Donetsk, que ficam no leste da Ucrânia e são parcialmente ocupadas pelas tropas russas. 

De acordo com o Ministério da Energia da Ucrânia, mais de 2 mil assentamentos em 16 regiões do país ficaram sem energia elétrica.

Além disso, as autoridades russas informaram que um navio de carga com a bandeira de Belize ficou encalhado por uma tempestade perto da cidade de Anapa, no Mar Negro. Há 21 tripulantes a bordo, incluindo cidadãos da Síria, Índia e Egito.

Edição: Leandro Melito