BANCADA NEGRA

'A criação da bancada negra é um fato histórico', afirma deputada Reginete Bispo

Regularização das terras quilombolas e segurança pública são prioridades do grupo, diz deputada

Brasil de Fato | São Paulo (SP) |
Bancada negra luta pela promoção da igualdade racial na Câmara Federal. - Foto: Bruno Spada/Câmara dos Deputados

Foi aprovada no início de novembro a criação da bancada negra na Câmara dos Deputados. O grupo deverá ter seus integrantes escolhidos em 20 de novembro, dia da Consciência Negra. A conquista dá aos deputados o direito de usar a palavra durante as comunicações de liderança, toda semana por cinco minutos, e também de participar de reuniões de líderes da casa.

Continua após publicidade

Para entender melhor qual vai ser o papel dessa bancada, o Central do Brasil desta sexta-feira (17) conversou com Reginete Bispo, deputada federal pelo PT do Rio Grande do Sul. 

Bispo apontou que a bancada irá estabelecer uma agenda de projetos que tratam da luta antirracista. "Nós temos projetos que tramitam na Câmara Federal há anos e que não andam, então a bancada negra terá esse papel de fundamentalmente ver as pautas que interessam na promoção da igualdade racial e priorizá-las na pauta da Câmara."

"A criação da bancada negra é um fato histórico", diz ela. "São quase 200 anos de república e pela primeira vez nós vamos ter uma bancada constituída por pessoas negras e reconhecida dentro da Câmara Federal. Isso representa um avanço enorme na democracia brasileira, uma vez que nós negros e negras somos 60% da população brasileira e os nossos espaços de representação são tão reduzidos."

Segundo ela, o enfrentamento a violência de Estado contra a juventude negra, com novas medidas de segurança pública que envolvam a reeducação das polícias a fim de provocar alterações nas abordagens policiais, e a regularização dos territórios quilombolas são prioridades da bancada.

A entrevista completa está disponível na edição desta sexta-feira (17) do Central do Brasil no canal do Brasil de Fato no YouTube. 

Assista agora ao programa completo:

E tem mais!

Ucrânia na UE? 

Negociação para a Ucrânia entrar na União Europeia podem começar ainda neste ano, mas Hungria pode ser um obstáculo para os planos de Kiev.

20 de novembro  

Confira dicas culturais para curtir o Dia da Consciência Negra, comemorado na próxima segunda-feira.

Central do Brasil é uma produção do Brasil de Fato. O programa é exibido de segunda a sexta-feira, ao vivo, sempre às 13h, pela Rede TVT e por emissoras parceiras. 

Edição: Thalita Pires