AFROFEMINISTA

Artista paraibana Cátia de França será homenageada em live nesta sexta-feira (31)

Evento marca encerramento das atividades do Fórum de Mulheres da UFPB sobre o Dia das Mulheres Negras Latino Americana

Brasil de Fato | João Pessoa (PB) |
Cátia de França
Cátia de França é uma artista reconhecida no Brasil e no mundo por seu trabalho original e sua trajetória de luta - Divulgação

A cantora e compositora paraibana Cátia de França será homenageada por diversas artistas na Live: 'Tributo a Cátia de França – por uma UFPB Antirracista, Afrofeminista e Cultural', organizada pelo Fórum de Mulheres em Luta da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). O evento será nesta sexta-feira (31), a partir das 19h, no perfil do Instagram @mulheresufpb.

Aprofunde-se: A força negra da compositora paraibana Cátia de França

A noite de muita música, bate-papo e poesia contará com a presença das cantoras e compositoras: Lucy Alves, Sandra Belê e Maria Juliana, além da violoncelista Ágata Christie e da própria homenageada, Cátia de França – artista reconhecida no Brasil e no mundo por seu trabalho original e sua trajetória de luta. A mediação ficará por conta da musicista Tânia Neiva.

O evento faz parto do encerramento da agenda do Fórum de Mulheres em Luta da UFPB pelo 25 de Julho, o Dia das Mulheres Negras Latino Americanas e Caribenhas e de Tereza de Benguela.


Divulgação / Card

Sustenta a pisada
Prepare os olhos e a garganta
A lato mia será tanta
Não dá nem prá imaginar

(Trecho da música Sustenta a Pisada, de Cátia de França)


 

 

Fonte: BdF Paraíba

Edição: Maria Franco e Rodrigo Chagas